Av. Pasteur nº 233, 1º andar, Parque Anhanguera, Goiânia CEP: 74340-570
(62) 3996.9600
sac@syncode.com.br

Ataque hacker se espalha pelo mundo. Entenda e saiba como se proteger.

Ataque hacker se espalha pelo mundo. Entenda e saiba como se proteger.

Um ataque virtual de proporções globais atingiu nos ultimos dias uma série de empresas e instituições no mundo todo, incluindo 16 hospitais públicos do Reino Unido, a empresa de telecomunicações Telefónica e o banco Santander, na Espanha.

De acordo com uma análise feita pela empresa de segurança Kaspersky, mais de 70 mil computadores já haviam sido infectados até a tarde desta sexta-feira.

No Brasil, diversas empresas – incluindo a Vivo – foram afetadas pelo ataque. De acordo com alguns sites de notícias, empresas prestadoras de serviço para gigantes das telecomunicações como Nextel e Net também caíram no golpe. Alguns usuários relatam que antes da mensagem aparecer, seus computadores ficaram se reiniciando diversas vezes.

Alguns serviços públicos, como o INSS, também foram afetados. Os sistemas do Ministério Público e do Tribunal de Justiça de São Paulo também saíram do ar. Ao menos dez máquinas do TJ-SP em São José do Rio Preto foram afetadas.

Segundo a empresa de segurança Kaspersky, um programa malicioso (chamado de “WannaCry”) é um ransomware – um arquivo nocivo que criptografa todos os dados contidos no computador invadido e só descriptografa-os após receber um pagamento.

Saiba como se proteger do ataque hacker que está se espalhando pelo mundo

Mas como se proteger? Antes de mais nada, atualize o seu Windows. As informações mais recentes, partindo de especialistas em segurança eletrônica, indicam que o aplicativo malicioso está explorando uma falha de uma versão desatualizada do sistema operacional da Microsoft.

A empresa  recomenda que todos os computadores de empresas estejam atualizados com o patch de segurança oficial da Microsoft e tenham antivírus instalados e atualizados em suas máquinas. Mesmo assim, a empresa ainda recomenda que todos os PCs vulneráveis sejam escaneados novamente.

 

Hacker encontra forma de parar onda de ataques que se espalhou pelo mundo

O pesquisador, que comanda o site MalwareTech e também desenvolveu um mapa para rastrear em tempo real o vírus “WannaCrypt0r”, encontrou no código do ransomware a chave para pará-lo: um domínio na internet que ainda não havia sido registrado.

O vírus vinha com esse “botão de desligar” inserido em seu código-fonte. O programa fazia uma requisição a um domínio específico e, se o domínio estivesse no ar, o aplicativo malicioso para de se espalhar. Provavelmente foi um recurso de segurança inserido pelos próprios criadores do ataque para manter a propagação do vírus sob controle.

Infelizmente, a vacina só chegou depois que dezenas de milhares de computadores ao redor do mundo já haviam sido infectados. Por outro lado, agora as empresas e instituições que ainda não foram afetadas têm tempo para atualizar seus sistemas operacionais e se prevenirem antes que seja tarde.

Por isso é importante que todos os computadores vulneráveis atualizem seus sistemas o mais rapidamente possível.

 Fonte: OLHARDIGITAL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *